Ensaio sobre canetas

Participei de uma oficina para roteiro de documentário e já na primeira aula o professor falou que podemos falar de qualquer coisa, inclusive até de uma caneta bic. Como conheço quase nada de cinema, comecei a “matutar” umas coisas sobre software.

Um software bem que podia ser transparente como uma caneta bic cristal. Poderíamos ver não somente suas telas, mas também seu conteúdo, sua estrutura, sua essência. Por mais que não possamos compreendê-lo de imediato, ele estará lá à disposição. Podiam chamar isso de OpenSource.

Bem que poderíamos fazer softwares mais fáceis de usar. Sei que não é fácil desenvolvê-los, mas também custa ouvir a pessoa que vai usá-lo? Basta destampar uma caneta bic para poder sair escrevendo.

Não precisa ter duas ou quatro cores. Quem já usou a cor verde levanta a mão aí. É só manter o princípio KISS e criar o software focado no negócio do cliente, sem gordura. Simples assim.

Se desenvolvermos software explorando o máximo de nossa criatividade e não apenas a leitura de documentos, no mínimo nos divertiremos pra caramba. O resultado disso? Experimente pra ver. Dê uma caneta a uma criança e veja o que acontece, não precisa nem de papel em branco.

Importante também observar o lado criativo das pessoas (vulgo usuários). Fazemos software para um determinado problema, mas a situação faz o ladrão. Já vi um maluco fazendo cada loucura no paint brush e vários produzindo software com agilidade e qualidade sem precisar de IDE’s. Não existem usuários burros, mas  sim softwares mal projetados. Voltando às canetas bic, se desmontá-las dá pra fazer uma arma com bola de papel e cuspe. Com a tampa dá pra tirar sujo da unha ou cera do ouvido e sei mais lá o que…

Por Luiz Sanches.

7 comentários sobre “Ensaio sobre canetas

  1. francival

    As canetas Bics são baratas, práticas, resistentes e funcionais. Qualidades que também são desejáveis em um software, seja ele livre ou proprietário.

    Inté +

  2. É isso ai Sanches! :Parabéns!!!!!😀

    Isso é um reflexo de um objetivo, de uma meta, de uma ideia, de que você é capaz, e obrigado por explicar-nos como ser capaz também!

    Abraços

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s