FISL 9.0 – 2º dia

O Flávio trabalha na Uniodonto de Belém, como administrador de redes, e nos convidou para conhecermos a Uniodonto de Porto Alegre, fomos recebidos muito bem por suas colegas de trabalho. Conhecemos um pouco do trabalho e estrutura da empresa, mas tínhamos que ir para o Fórum. O Flávio ficou para o almoço, espertinho heim?

uniodonto
Tá safo! com as meninas da Uniodonto-RS

Pena que perdi a palestra do Antônio Terceiro: “Engenharia de Software e Software Livre: tudo a ver!”. Vou esperar o vídeo. Mas tinha muita coisa para acontecer no dia.

Havia a uma sessão de autógrafos especial para muita gente. Era o lançamento do livro Shell Script Profissional do Aurélio Marinho Jargas, o stand da livraria tempo real estava lotado, encontrei com o Xavier do SERPRO, que também foi pra fila pegar um autógrafo para o amigo dele. Quando chegou a minha vez, me apresentei para ele dizendo que ele era o responsável por minha ida ao FISL, pois acompanho o trabalho dele faz tempo.

O Aurélio é tão gente boa que parece que ele já te conhece há um tempão. A namorada dele gentilmente pediu a câmera para tirar umas fotos, então saquei mais uma camisa do TÁ SAFO da mochila para lhe dar e ele vestiu na hora. No mundo do Software Livre não importa cor, religião, partido político, empresa em que trabalha, essas coisas que dividem as pessoas. Não importa se você sabe muito ou sabe pouco, conhecer QUEM FAZ realmente algo pela comunidade é o que importa.

aurelio
Eu e Aurélio Marinho Jargas

 Faltava mais um autógrafo especial, o Pablo Dall’Oglio já tinha vindo em Belém várias vezes, mas não tive oportunidade de conhecê-lo pessoalmente. E ele também estava no stand da livraria tempo real, já havia comprado junto com o livro do Aurélio o dele sobre PHP Programando com Orientação a Objetos, incansavelmente lhe dei mais uma camisa do TÁ SAFO e pedi dois autógrafos, o outro é a 1ª edição do livro sobre PHP-GTK. Conversamos um pouco e depois segui a dica do Pablo, entrei na lista do PHP-GTK Brasil. Tem informação de primeira qualidade rolando por lá. Aconselho estudarem essa linguagem, que mescla a melhor linguagem de desenvolvimento web, PHP, com uma das mais consideradas bibliotecas gráficas do mundo open source, a GTK.

pablo
Eu e Pablo Dall’Oglio

Fomos almoçar para depois ir coordenar a mesa da palestra “Migração da Rede do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre: conquistas de desafios”. A experiência deles deve ser levada para demais sindicatos de todas categorias do país. O destaque da palestra foi para a louraça da equipe organizadora do evento, lindíssima e simpática, como diz aquele cara da praça é nossa: “aí se ela me desse bola”.🙂

E continuando o ciclo de correrias, fui para a palestra do Rasmus Lerdof “Large Scale PHP”, ele é somente o criador do PHP. Para minha surpresa, e acredito que para a de muitos lá presente, o Rasmus começou falando em português, parece que ele já morou um tempo em Porto Alegre, foi massa. Ele trabalha atualmente no Yahoo! e criou uma ferramenta para a empresa, que checa vulnerabilidades em sites, ele demonstrou o uso dela no site do fisl e da prefeitura de Porto Alegre. Vi o Marcelio Leal e o Pablo Dall’Olgio no chão (o teatro tava que nem o estádio Mangueirão em dia de RExPA) com os olhos brilhando em direção ao palco, acho que eles estavam, internamente, dizendo o mesmo que eu: “MESTRE!”. Essa palestra foi duca!

Enfrentei uma fila quilométrica para devolver o fone de ouvido da tradução simultânea, ainda não sou Jedi em inglês😛 . Com isso, cheguei atrasado na palestra do Marcelio “Duro de Errar 5.0 – Tratamento, Controle e Configuração de erros em PHP 5”. Tava “socado” de gente, fiquei em pé lá no fundão e vi novamente o Pablo de pé também. Parece coisa, pela segunda vez chego atrasado na mesma palestra, perdi ela em Belém, tomara que tenha sido filmada. O Marcelio leva na boa a informação para o público, e com muito bom humor, dessa forma fica fácil aprender. Tenho novas ferramentas para estudar.

Assisti um pouco da palestra sobre “Arch Linux: uma distribuição otimizada para i686” e fui dar uma volta. Encontrei com o Reinaldo, Marcelio e o João Salvatti (mais gente da terra) no caminho para a palestra do Theodore Ts’o sobre “Kernel Open Session”, foi aí que concordei com que o Marcelio havia comentado em nossa conversa: “Essa parada de Kernel é muita viagem doido!“.

Fui dar mais um rolé quando vi o Marcelio e o Salvatti na fila para “bater retrato” com o Rasmus Lerdof, rápidamente me uni ao grupo. Esperamos um tempinho para ele terminar uma entrevista, apesar de não conhecê-lo o Rasmus é uma pessoa muito simpática e atencioso, personalidade típica da comunidade. Armamos nosso arsenal de câmeras e o Salvatti registrou mais um momento que vai ficar pra sempre dentro deste cabeção.😛

rasmus lerdof
Eu e Rasmus Lerdof

O João Salvatti palestrou no dia 17 sobre “Uma solução de Firewall Redundante com OpenBSD, CARP e PFSync”. O Calex me apresentou o Salvatti na nossa chegada em POA no aeroporto, já tinha ouvido falar dele pela sua paixão pelo sistema operacional OpenBSD. Trabalhar com segurança da informação não deve ser nada fácil, parabéns Salvatti! Mais um parense que conheci em Porto Alegre.

eu, marcelio e joao
Eu, Marcelio Leal e João Salvatti

Fomos dar uma volta pelos stands e ver o que tinha sobrado em alguns deles, 7.417 pessoas circulando pela PUC-RS, era rápido que acabavam as coisas. Reencontrei com o Calex no stand da Visão Ágil, já vendo o vídeo postado no blog do Victor, produzido um dia antes sobre a revista. Visitei o stand do GUS-BR, conversei com os manos do Slack, o lugar em que fiquei mais a vontade no FISL, me senti em casa. Comprei um adesivo para o Note do Nélio e uma lembrança para o Leomario que também é usuário da distro. Deu tempo de produzir dois vídeos com o necropresto. Um sobre o GUS-BR (Grupo de Usuários Slackware Brasil), suas experiências, sobre a ajuda que eles dão para as pessoas que visitaram o stand, instalando o Slackware, configurado wi-fi, e batendo um bom papo. O outro é sobre a configuração do compiz no slack para desktop 3D no xfce, até no Classmate PC (aquele filhote de computador), matéria que foi publicado no Slackwarezine 19.5, editado pelo Piter Punk, que também falou do uso de Tabs no VIM. Os caras manjam mesmo. Todos tem sua(s) distro(s) preferida(s), Slackware é a minha.

stand do slack
Stand do GUS-BR

Em breve disponibilizarei os vídeos. Papo vai, papo vem e me lembrei de ver a palestra do Diogo Biazus de PostgreSQL “Replicação Assíncrona Multi-Mestre com Bucardo“. Achei muito boa essa solução, pois só conhecia o Slony I. Dei um pulo no stand do PostgreSQL para conhecer o Fábio Telles, figurassa. Foi ele que me convenceu a não estudar Oracle e nem comprar livros, ao invés disso “mergulhar” no manual do PostgreSQL, bebendo na fonte mesmo. Chegaram no stand o Josh Berkus e David Fetter, “OS CARAS” do PostgreSQL, incentivo a mais para acelerar meu curso de inglês, não saía mais do que “Hi!”, “Thank’s”, “Ok”.😛

fabio telles
Fábio Telles e eu
david e josh
David Fetter, eu e Josh Berkus

O grupo já estava reunido e fomos dar mais um rolé, quando vimos a melhor coisa que a intel criou durante todos esses anos, a expositora. Que mulher! Deu vontade de levar pra casa.🙂

barbie da intel

Tiramos maior onda com o Tux maluco que ficava animando a galera, ele andava com um sonzinho maneiro dançando pelo Fórum todo. Encontramos também com Theodore Ts’o (desenvolvedor do Kernel Linux), onde conversamos sobre o ext4, brincadeira galera.🙂

tux pai d'égua

teo ts'o

Pra finalizar, só deu tempo de assistir o finalzinho da palestra do Alexandre Oliva sobre “As ações mais legais da FSFLA (2008)”. Logo iria começar a palestra do Antônio Terceiro sobre “Certificação: como ficam os desenvolvedores de Software Livre?”. Tema muito discutido na comunidade, e que concordo com o seguinte pensamento: o criador de uma tecnologia livre não precisa ser graduado e muito menos ter uma certificação daquilo que ele mesmo criou.

certificação

O dia foi bastante corrido e cheio de boas lembranças, só abrindo uma Skol para relaxar um pouco e me preparar para “O DIA” seguinte, o da palestra do Bram Moolenaar sobre VIM e a minha.

puc a noite
Frente da PUC-RS à noite

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s